O Tape Reading e a Evolução do Price Action

Tempo de leitura: 7 minutos

ticker-tape-reading

O Tape Reading e a Evolução do Price Action

Eram os anos 20 do século passado e Wall Street fervilhava com as negociações em ações. Um jovem chamado Jesse Livermore já estava na caminhada que o tornaria uma lenda entre os traders modernos.

Jesse – cuja história você pode ler no antológico  “Memórias de um Operador da Bolsa” – começou muito jovem a trabalhar dentro das casas que faziam negociações de ações, as bucket shops, escrevendo no quadro os valores das cotações que vinham pela fita, em máquinas similares as da imagem acima.

Com o tempo, Jesse tornou-se especialista na leitura desse tipo de instrumento que era a fita, e isso foi o início de uma história emocionante no mercado com muito milhões de dólares ganhos – e também perdidos – ao longo das décadas seguintes.

Mas na época em que situamos nosso herói, ele escreveu o seguinte pensamento:

traders-tape-reading“Suspeito que o típico perseguidor de fita, como costumam chamá-lo, erra mais por uma superespecialização do que por qualquer outra coisa. Isso significa uma falta de flexibilidade muito cara. Afinal, o jogo da especulação não se baseia totalmente em matemática ou em um conjunto de regras, por mais rígidas que sejam as leis. Mesmo em minha leitura da fita, há algo mais que simples aritmética. Existe o que chamo de comportamento de uma ação, atitudes que lhe permitem julgar se ela deverá ou não agir de acordo com os padrões observados. Se uma ação não se comportar como previsto, não a toque pois, se for incapaz de dizer precisamente o que está errado, você não pode dizer em que direção ela vai seguir. Sem diagnóstico, não há prognóstico. Sem prognóstico, não há lucro.”

Na época, já existiam gráficos mas a coisa engatinhava. Os preços vinham enfileirados na fita e daí surgiu o termo leitura da fita ou tape reading. Ok, isso é mais minha opinião do que uma proposição científica mas me parece bem lógico, rs, por isso acredito que deve ser assim.

Observe que Livermore se preocupava com o comportamento da ação, e quando ele diz isso, na verdade ele se refere ao comportamento do preço da ação.

Geralmente, para um cara inserido dentro da bolsa, era mais fácil entender o motivo pro trás de um determinado comportamento como, por exemplo, a chegada de um grande player operando para entrar ou sair de uma posição, ou mesmo sinais de que um ou mais players estariam tentando mascarar suas verdadeiras intenções.

Essas condições ficavam “evidentes” quando ele percebia quem colocava as ordens no mercado e quais as quantidades e a direção, já que ele mapeava como era o comportamento desses traders (e aqui me refiro àqueles com potencial para mexer com o mercado) quando desejavam criar um determinado mercado (baixista ou altista).

Lendo a Fita no Mundo Moderno

tape-reading-modernoO tempo passou e no fim do século e nos dias atuais a coisa toda se moveu para o mundo digital. De certa forma, “olhar a fita” era algo em desuso, embora a tal fita tenha sido substituída por formas digitais de apresentar as informações de preço.

O grande problema para o trader de varejo nem é tanto ver o desenvolvimento do preço e do volume (no caso do Forex, em geral o volume não é confiável porque o mercado não é centralizado), mas saber quem está gerando esse movimento (se é um grande player ou mais de um) e a força dessa agressão (ela acontece de forma escalonada mas constante?).

Isso é importante porque é a forma como os grandes players se movem que determina para onde o mercado vai. “Ver” o fluxo dessas ordens é uma vantagem competitiva importante para quem opera intraday no mercado porque é um vislumbre claro do que pode acontecer imediatamente a seguir.

Uma Solução Inteligente para o tape reading no Forex

tape-reading-analise-fluxo-de-ordensAté pouco tempo atrás era improvável conseguir rastrear o fluxo de ordens no mercado de Forex porque o volume que se vê no gráfico não representa o mercado como um todo, que é descentralizado e por isso não se tem controle de quem está ofertando o que, mas apenas o mercado restrito ao domínio da corretora em que o trader está.

Mas um trader percebeu, no início dos anos 2000, que existia uma correlação positiva e direta entre o mercado futuro de moedas americano e o Forex para alguns pares que dominam as operações, como EURUSD, por exemplo.

O que acontecia no mercado futuro, como uma massiva venda no par, se repetia no mercado a vista, com a vantagem de que era possível saber de onde vinham as ordens e em que volume aconteciam. Essa correlação existe porque em sua maioria, os players que movimentam o mercado futuro centralizado americano eram os mesmos que criavam os fortes movimentos no Forex.

Além disso, essa correlação também existia para outros mercados. Então, com essa perspectiva em mãos, os anos seguintes foram de trabalho para desenvolver as ferramentas que permitiram acompanhar essas informações de forma estruturada para que o trader pudesse tirar vantagem disso.

Com a leitura do fluxo de ordens era possível detectar quem estava agredindo o mercado para qualquer lado e, a partir dai, seguir o seu movimento. Pela primeira vez o trader de Forex de varejo poderia se aproveitar disso ao invés de navegar ao sabor das probabilidades.

Claro, tudo isso tem um custo, e não é barato. Esta solução fica na casa dos milhares de dólares. Mas para quem vive o dia a dia do mercado, é como se em dado momento ele estivesse operando com uma venda nos olhos e, no outro momento, com o advento da leitura da fita ou do fluxo de ordens, alguém tivesse retirado essa venda e o trader visse o mercado como ele realmente é.

É uma baita vantagem!

Tape Reading no Brasil

tape-reading-brasilNos EUA, a análise de fluxo de ordens, ou tape reading, já está bastante disseminado. No Brasil, estamos engatinhando. Mas a lógica permanece a mesma.

É possível aplicar exatamente a mesma estrutura em nosso mercado centralizado desde que você tenha o conhecimento certo e, é claro, as ferramentas certas. Isso já tem sido feito com sucesso nos últimos anos principalmente no dólar.

Ok, mas falar é diferente de você ver a coisa funcionando e é realmente impressionante! Mas este é um artigo que tem o caráter de ser meramente introdutório no assunto. Além disso, eu não sou um especialista tape reading mas… conheço os especialistas :)

E se você quiser ficar ligado sobre quando tivermos novidades a respeito de tape reading no Brasil e também no Forex, coloque seus dados abaixo que entraremos em contato:

 

Lista Preferencial Sobre Tape Reading

Não praticamos SPAM!

Qualquer dúvida, escreva para mim!

  • Fabrício Bezerra

    Me empresta um dinheiro pra eu operar Macio Santos