mudancas-cenario-forex-sucesso-digital
Mudança de Cenário no Forex
Sei que o Carnaval está a todo vapor no Brasil e as pessoas estão pouco ligando para o que acontece no restante do mundo. Mas esse não é você, meu caro trader de Forex. :) E é por isso que estamos aqui ao seu lado enquanto o mercado abre normalmente para mais uma semana de trades e pips.


Adaptação. Mudança. Velocidade.

Eis algumas palavra que poderiam muito bem definir a realidade dos traders seja no Forex, seja em qualquer outro mercado de renda variável.

No início de 2012 o mercado vem apresentando uma configuração diferente do ano anterior. Ano passado operamos com mais facilidade as operações de rompimento e tendências consolidadas em vários pares de modas. Agora, já ficou claro que as operações de reversão têm sido as mais lucrativas.

De repente, aquele seu sistema automatizado que operava maravilhas em um mercado em tendência simplesmente não consegue mais funcionar. Mas por que o mercado mudou? Como podemos reagir a isso?

Existem muitas variáveis tanto em relação a motivos quanto em relação a soluções. Vamos abordar apenas algumas dessas possibilidades para ilustrar nosso ponto de vista.

Aumento do Risco na Zona do Euro

Os EUA patinaram mas não afundaram completamente como previam alguns analistas. Já na Europa, a situação que era preocupante ano passado tornou-se crítica em 2012. A Grécia continua sendo a bola da vez e apesar da boa vontade dos seus dirigentes em determinar medidas severas de austeridade, a população não aceita isso com facilidade.

Os gregos passaram os últimos anos ignorando todos os sinais da bancarrota que se avizinhava como se os problemas pudessem ser resolvidos em um passe de mágica num futuro incerto. Pois bem, o futuro chegou e, com ele, a conta da farra e todos os problemas que se desenhavam.

Para se ter uma noção, um país com pouco mais de 11 milhões de habitantes, tem mais de 700 mil funcionários públicos, salário mínimo maior que o da Espanha e pensões mais altas que na França, segundo dados da revista IstoÉ, desta semana. Fora isso, a dívida que vence em março é de mais de 14 bilhões de euros de um total de insanos 206 bilhões de euros.

O país já apresenta recessão severa e uma população que antes era bajulada agora se mostra incompreensiva com as dificuldades do país. O cenário de dúvida contamina o euro e aumenta a incerteza como um todo. E incerteza é sinal vermelho e redução do apetite para o risco entre os investidores.

Com isso, as zonas de suporte e resistência têm sido mais difíceis de romper e o mercado tem andado de lado por algum tempo.

Operando com Múltiplos Sistemas

Para quem opera usando sistemas baseados em análise técnica o ideal é ter ao menos dois sistemas, cada um operando em determinadas condições de mercado.

A verdade é que um mercado em tendência definida é diferente de um mercado em movimento lateral. Assim, indicadores que funcionam bem em uma situação podem ser um desastre total em outra. Procure não se prender a um único sistema pois a mudança de condições de operação fará com que ele deixe de apresentar sinais relevantes para suas operações.

Um exemplo disso é qualquer indicador que funcione como oscilador. Em um mercado altista ele seguidamente irá assinalar sobrecompra quando ainda existe muito cartucho para queimar. E vice-versa.

Operando com Price Action

Operar utilizando um método baseado em price action é outra forma de se manter atualizado com o mercado. O price action é a leitura do preço atual no gráfico de candles. Sendo assim, o importante é o que acontece agora no mercado, o que independe de ele estar em tendência ou não.

O trader que faz esse tipo de leitura tem ao seu lado a velocidade de adaptação a novas condições uma vez que sua técnica não tem lag, ou seja, não há uma janela de tempo entre o que se vê e o recolhimento dos dados.

Operando com os Fundamentos

Mercado financeiro é sinônimo de perspectiva. Se a perspectiva é positiva, o ativo sobe. Se é negativa, ele cai de preço. Operar usando os fundamentos é a técnica usual dos position traders e cai muito bem em gráficos de tempos maiores e para operadores com um bom capital.

Acompanhar uma notícia com a que comentamos acima a respeito da Grécia nos diz que a possibilidade maior é de enfraquecimento do euro. Se a economia americana não vai tão mal, então podemos deduzir que o futuro próxima reserva uma valorização do dólar em relação ao euro.

É esse tipo de consideração que faz alguém que opera com base no noticiário econômico e nos indicadores financeiros e, de fato, o EURUSD subiu de valor desde 16 de fevereiro de 2012, e agora encontra-se em uma zona onde se concentram muitos vendedores.

Se o mercado muda, é nossa obrigação nos adaptarmos a ele na velocidade certa sob a pena de redução de lucros com aumento de prejuízos.

Aliás, enquanto trader de forex, o lucro e o prejuízo nunca é certo e você sempre está brigando com as probabilidades. Já em relação a mudança, essa é uma das poucas certezas que podemos ter no mercado – em breve, isso acontecerá de novo.

Imagem 6


sucessodigital
sucessodigital

Márcio Santos é autor do Blog Forex Sucesso Digital e criador do Curso de Forex Online. Ele atua no mercado de Forex desde 2005.